sábado, 15 de março de 2014

Tags: , , , , , ,

Índices Financeiros - Fevereiro/2014



O dragão da inflação voltou a soltar chamas pelas narinas em fevereiro. Segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) – que mede a inflação oficial do país, por ser usado como base para as metas do governo – acelerou para 0,69% em fevereiro, após ter avançado 0,55% no mês anterior.

O que mais pesou foi o grupo de gastos com educação, cujos preços subiram 5,97%, influenciados pelo aumento do valor das mensalidades dos colégios. Nos cursos regulares, o avanço foi de 7,64%, "o maior impacto individual", segundo o IBGE. Nas mensalidades dos cursos diversos, como de idioma e informática etc, a alta foi de 5,95%.


Na sequência, entre os maiores impactos está o exercido pelo grupo alimentação e bebidas, cuja alta passou de 0,84% para 0,56% de janeiro para fevereiro. Mesmo apresentando resultado inferior ao de janeiro, exerceu o segundo maior impacto sobre o IPCA.

O desempenho foi influenciado pelos preços dos alimentos comprados para consumo dentro de casa. A variação passou de 0,90% para 0,22%. O leite longa vida, por exemplo, ficou mais barato (-3,65%), mas, em compensação, os preços de hortaliças e verduras subiram 11,42%.

Também mostraram avanços acima das taxas de janeiro os grupos saúde e cuidados pessoais (de 0,48% para 0,74%) e comunicação (de 0,03% para 0,08%). O grupo artigos de residência apresentou variações maiores: de 0,49% para 1,07%.

Os outros grupos mostraram taxas negativas em relação a janeiro: vestuário (de -0,15% para -0,40%) e transporte (de -0,03% para -0,05%), com destaque para as passagens aéreas, que ficaram 20,55% mais baratas.

No ano, de janeiro a fevereiro, o IPCA acumula alta de 1,24%, abaixo da variação do mesmo período de 2012, quando ficou em 1,47%. Já nos últimos 12 meses, o índice ficou em 5,68%, acima dos 5,59% relativos aos 12 meses anteriores.

A projeção de inflação medida pelo IPCA para 2014 foi mantida em 6%, de acordo com a pesquisa Focus divulgada em 05/03, pelo Banco Central. Para 2015, a projeção segue em 5,70%, segundo a expectativa do mercado. A previsão de inflação para os próximos 12 meses teve leve alta, de 6,11% para 6,12%, conforme a projeção suavizada para o IPCA.



No mês de fevereiro a carteira do Uó teve valorização positiva de 0.88%, o equivalente a 0.19 pontos percentuais acima da inflação medida pelo IPCA. No ano a valorização da carteira é negativa em -4,88%, o que corresponde a -6,12% já considerando o IPCA do ano.

As ações tiveram o pior desempenho no mês (-2,68%) bem abaixo do IBOV (-1,14%). Já os FIIs tiveram valorização positiva de 2,14% mas abaixo do IFIX que fechou em 3,77%. A maior valorização do mês foi verificada no TD que fechou em 6.30% graças à valorização das NTNBs 2035 e 2019.




36 comentários:

  1. mas 2014 não será 6% nem a pau. O mês da copa será um desastre para a nossa economia, irá tudo ficar 3x mais caro do que já é....

    Seu último quadro é deveras interessante, você teria a gentileza de disponibilizar o excel? (óviamente sem os seus valores :-d )

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se no mês da copa tudo ficar caro, a inflação vai ter um pico nesse mês, depois se tudo voltar ao normal - queda da "inflação" - posso dizer que o que subiu foi anulado pelo que desceu, nao é? Assim, o impacto e zero. Concorda?

      Excluir
    2. Não muito. Um produto quando sofre um aumento grande no seu preço, MUITO dificilmente você verá ele voltar a ter o preço antes desse pico... olhe para o ramo imobiliário... estamos vivendo sobre um pico de preços altíssimo... você acha que se um dia o preço abaixar, irá abaixar para patamares anteriores?

      Exemplo: Antes do carnaval, o açaí que costumo comprar aqui perto de casa custava R$7.5, no carnaval passou para R$12,50 !!! Sabe quanto está agora? R$ 9,00 ...... ou seja, DUVIDO que após a copa os produtos voltem a ter o mesmo preço que antes.

      Excluir
    3. Se a inflação aumentar eu irei colher frutos através dos meus investimentos em papéis atrelados à inflação, mas sinceramente, não estou nem aí, o que será inflacionado neste período serão serviços como táxi, hospedagem, turismo, produtos como bebidas, restaurantes, bares, coisas que não estou utilizando há tempos. O que irei gastar muito este ano serão roupinhas e coisas de bebês, isto sofrerá impacto mínimo, rs.

      Excluir
    4. Forreta, você mora no litoral? O açaí aqui perto de casa não mudou de preço não, este açaí aí é de quantos ml?

      Excluir
  2. Obrigado pelas informações! Está sendo muito importante para mim. Sem querer abusar, já abusando, teria como vc colocar dólares e euro na sua tabela? Grato.

    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 4P eu consulto dolar e euro em dolarhoje.com e eurohoje.com. Tem tb ourohoje.com

      Excluir
    2. Ok portuga, na próxima atualização vou ver coloco estes dados. abraço

      Excluir
  3. uorrem eu queria entender entaum se na perspectiva de uma inflação mais alta o preço atual do VRTA tá bom?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VRTA está caro, estou olhando este FII há meses e não compensa entrar ainda. FII de papel deve ser comprado no VP ou abaixo dele. Entrar acima do VP é bobeira. Fique de olho também no FEXC e no XPGA, se no mensal acumulado estiver dando 1% aí sim vale entrar um pouco acima do VP. Meus targets nestes FIIs são:

      FEXC: 101
      XPGA: 102
      VRTA11: 100

      Excluir
  4. Mais uma vez parabéns pelo belo levantamento dos números.
    Um ponto para discussão, na coluna "Renda Fixa" vc tem poupança e CDI. Eu vi recentemente, e achei correto, para efeito de comparação entre esses 2, deveríamos tirar 20% do CDI, uma vez que a poupança gera um rendimento liquido ao passo que o CDI estaria, digamos, bruto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Dividendos.
      O que você considera um bom rendimento para uma carteira se considerando o CDI? A carteira deveria estar historicamente em quanto em relação ao CDI?

      Excluir
    2. Vamos lá.
      Acho que, se formos medir de forma bem correta as carteiras, levando se em conta nossa comunidade, basicamente deveríamos usar 3 indicadores que são o CDI, IFIX e o bovespa. Ou mesmo botar uma meta sobre a inflação, que eu considero melhor ainda.
      Falando-se especificamente do CDI, considero uma rentabilidade boa algo entre 110-115% do CDI. Menos que isso soh se o investidor precisar de alta liquidez na maior parte do financeiro. Isso falando de renda fixa.
      Abraco

      Excluir
    3. Meta bem arrojada em Sr. dividendos, será que conseguiremos?

      Excluir
    4. Porra! 115% do CDI. Esse cara pirou.

      Excluir
    5. Acho que ainda não pirei.
      Vou fazer as contas da minha carteira de RF e ver como estou. Apenas lembrando que estou considerando rendimento bruto.
      Abraco

      Excluir
    6. Oi Dividendos! Fiquei bem curioso com esse retorno em sua carteira de RF na ordem de 110-115% do CDI. Você possui empréstimos, debêntures e mais que tipo de aplicação em RF? Abraços!!!

      Excluir
    7. Sr. dividendos poderia destrinchar seus dados de carteira em um post no seu blog? Rentabilidade histórica e estas coisas?

      Excluir
  5. Uó, eu ainda tenho grande dificuldade para entender o mercado de imóvel.

    Pq parece que o único jeito de ganhar seria com o ganho de capital, então tratá-lo como um ativo tradeable e não como um instrumento de renda fixa, ou seja, viver do aluguel. Hj tesouro direto ou esses instrumentos incentivados parecem estar pagando muito bem, a não ser que o propósito seja diversificar risco em uma carteira de renda fixa.

    Vc tem algum número de ações que deseja ter em carteira? O # ótimo de empresas em portfolio?
    Um índice que parece ser melhor que o Ibov é o IBrX, pelo menos até Agosto, depois o IBOV deve ser equivalente.

    A inflação deve desalecerar até o fim do ano, esses ajustes na SELIC levam em média 9 meses para chegar na economia real. Hoje os banco publicam já financiam mais de 55% da dívida privada no Brasil, acredito que em breve vão diminuir essa diferença e voltar para o patamar anterior ~40%. O BNDES está diminuindo o ritmo de empréstimos tb, pois o Tesouro tá pobrinho já, isso diminui a distorção da taxa de juros real do Brasil (média ponderada da SELIC + TJLP-BNDES). Enfim o crédito vai sumir da praça, não acredito que o consumo das famílias irá aumentar, até por conta do alto endividamento e recente aumento na taxa de inadimplência.

    Meu único medo é que o governo escolheu esse caminho para o crescimento do país, através do mercado interno (consumo e crédito) e exportação a alguns países (bloco Mercosul e China), os quais até agora não corresponderam. Se não melhorar teremos uma recessão, o que pode ser bom pra bolsa.

    Isso se nada mudar e acontecer com alguma coisa nas comemorações de 50 anos do golpe de 64, os militares da ativa respondem a mulher, os reservas não. Toda vez que temos baderna no governo, eles sobem, Egito, Ucrania, Venezuela, Cuba, Chile, etc.

    Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De Marco, se tem algo que vai aumentar neste país é consumo, talvez não aumente proporcionalmente em relação à população mas como teremos aumento de população ainda por algumas décadas então consumo é o que teremos.

      Crédito sempre será sazional, mercado imobiliários sempre será cíclico, outros setores como siderurgia, mineração também.

      Se eu tenho algum número de ações que desejo? Desejaria ter poucas ações, mas como não sou especialista em balanços e projeções para escolher as 10, 15 ou 20 melhores empresas do país então estabeleci um limite de 40 ações (20 de dividendos e 20 de crescimento), hoje já estou em 33.

      Penso que o governos não escolheu os caminhos consumo interno e china, muito pelo contrário, estes caminhos eram a única alternativa, e ainda são, não foram então escolhidos, foi a 'saída' do governo. Este governo não escolheu nada, e sim recebeu de governos anteriores uma situação X. A única coisa que este governo fez foram os programas de assistência, o resto foram ajustes de acordo com necessidades pontuais.

      Mas de Marco, não devemos ter medo de nada, este país teme continuará tendo empresas excelentes, temos matéria prima, mão de obra abundante e também especializada. Devemos aproveitar os momentos de crise para comprar empresas boas e também um pouco de imóveis, aportar em modalidades que 'protejam' de inflação e também que gerem renda. Cabe a nós escolher os melhores investimentos, certo? No início de 2009 uns 95% dos brasileiros estavam chorando e reclamando da crise mundial, outros 5% estavam aportando pesado na bolsa, estes se tornaram milionários em menos de 1 ano pois tinham capital paras investir e sabiam onde investir.

      Então anos só resta trabalhar para ter o que investir e estudar para saber quando e onde investir. Medo, mimimi e chororô são comportamentos nada ativos.

      Excluir
    2. *desculpe os erros de portugues, é porque escrevo muito rápido os comentários.

      Excluir
    3. Eu mesmo cometo erros gramaticais, além do autocorretor do celular não colaborar, estamos quites.

      Agradeço o comentário.

      Temos um número parecido então, atualmente tenho 30 ativos que desejo ter em portfólio brevemente.

      Pelo andar da carruagem 44.1k vai ser o indicador de um ponto de compra, inflexão, ou se a expectativa do mercado está mais embaixo.

      Vc conhece a filosofia do Ray Dalio? Inclusive ele fez um vídeo no youtube para explicar como ele entende a economia e como tudo é um ciclo, vale a pena.

      Abs.


      Excluir
  6. Uó, atualizei o post atendendo o seus pedidos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Respondi sua pergunta lá no Tetz, bom domingo!

      Excluir
  7. Proxima compra BBAS3 target 18,20. Essa semana eu pego.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coincidência, minha ordem foi lançada em 18,18, rs.

      Excluir
  8. Olá, eu sou a Sra. Cynthia Johnson, um emprestador empréstimo privado que dá vida empréstimos oportunidade de tempo. Você precisa de um empréstimo urgente para limpar as suas dívidas ou você precisa de um empréstimo de capital para melhorar o seu negócio? Você já foi rejeitado pelos bancos e outras instituições financeiras? Você precisa de um empréstimo de consolidação ou hipoteca? Não procure mais, porque estamos aqui para todos os seus problemas financeiros no passado. Nós emprestar dinheiro para pessoas que necessitam de assistência financeira, que tem um mau crédito ou que necessitam de dinheiro para pagar contas, para investir no negócio, à taxa de 2%. Quero usar este meio para informar que prestamos assistência confiável e beneficiários e estarão dispostos a oferecer-lhe um empréstimo. Então, entre em contato conosco hoje por e-mail para: (cynthiajohnson154@gmail.com)

    ResponderExcluir
  9. Uó, quando comentou em deixar 25% da grana em RF você considerou neste montante o colchão de segurança ou esse foi excluído da conta? E dentro desse universo de RF, como pretende dividir o dinheiro? TD, LCI, LCA, CDB, Poupança, debentures, etc...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim seu guarda, meu colchão de segurança está incluso. Hoje meu colchão é apenas 10.000 na poupança, estou pensando em aumentar isto para uns 15.000 (3 meses de gastos) e estou pensando também em comprar LCA. por enquanto estou comprando só NTNB, quais são suas estratégias de RF?

      Excluir
    2. Uó, hoje eu tenho dinheiro no CDB e não o conto em meu patrimonio. Ele está na ordem de 20K.

      MAS tenho pensado em migrar uma parte dele (10K) e aportar com mais 10K numa LCI ou LCA de banco pequeno pagando entre 98 a 102 % do CDI.

      Estou curioso com o que disse o Dividendos acima!

      Excluir
    3. Não concordo sobre considerar colchão de segurança como investimento para a IF.

      Excluir
    4. Qual banco esta pesquisando Seu Guarda? Para o LCI/LCA?
      Troleta, quanto tempo... Why not?

      Excluir
    5. Porque é reserva de emergência e não deve ser movimentada para fins de realocação ou gastos.

      A propósito, Cielo bateu novo TH hoje.

      Beijim no ombro!
      :-)

      Excluir
    6. Minha reseerva de emergência não faz parte do investimento para I.F., mas uso metade este dinheiro de vez em quando em algumas operações com RV para ganhar um troquim a mais.
      Comprei Cielo. Aliás, tô comprando todo mês, bjim no ombro, rs

      Excluir