sábado, 26 de julho de 2014

Como Conquistar sua Independência Financeira - Primeira Etapa


A partir de hoje começo a publicar uma série de artigos sobre independência financeira. Neste primeiro artigo irei abordar, de forma simples e direta, a primeira etapa a ser executada por qualquer pessoa que almeja pendurar as chuteiras depois de marcar o milésimo gol.


Olhem a alegria do cidadão acima, isto sim é um dia de glória! Mas hoje o filho está atrás das grades, com certeza ele trocaria este gol pela liberdade do filho. A mensagem que fica é: independência financeira é importante sim, poucos brasileiros alcançam este feito, mas na caminhada até lá não deixe de viver a vida na sua plenitude, educar os filhos, cuidar dos pais já velhinhos, estender a mão ao próximo. Não é um discurso demagogo meu, pare para pensar, do que adianta daqui 10, 15, 20 anos você estar tranquilo financeiramente se para chegar lá você viveu uma vida vazia e supercial?

Indo então para a parte técnica da coisa. A primeira etapa é planilhar todos os seus gastos - eu disse Todos! Da gorjeta do garçon à mensalidade do plano de saúde. E isto deve ser feito até o seu último dia de vida. Se já começou então parabéns, se ainda não possui este saudável e divertido hábito então comece no próximo dia primeiro, porque este mês já está acabando e não vai adiantar muita coisa começar hoje. Mas se quiser já ir treinando fique à vontade.

Por que é importante este levantamento de campo? Tenho certeza que todos já sabem a resposta: controle! Sem controle qualquer planejamento é inócuo. Com uma planilha de controle ou mesmo um sistema de finanças pessoais é muito fácil visualizar onde estamos gastando mais e onde é possível cortar gastos desnecessários. É o primeiro diagnóstico da sua vida financeira. Sem isto você tem apenas a sensação no fim do mês de que está perdendo dinheiro nos bolsos das calças, era assim que me sentia quando não controlava meus gastos.

A minha planilha de controle é muito simples, se alguém tiver interesse posso até disponibilizar, e é fato que as coisas mais simples são as mais eficientes. Quanto mais rebuscado e complicado o controle mais difícil seguir em frente. Depois de um ano de registro de gastos já será posível traçar os primeiros diagnósticos, determinar se seus gastos estão compatíveis com os seus salários tendo em vista seus objetivos de aposentadoria. Será possível traçar um gráfico como o mostrado abaixo, no qual eu confronto os meus salários com os meus gastos desde abril de 2009.


Não se assustem com a volatilidade dos salários mostrada no gráfico acima, isto deve-se ao fato de eu ser um micro-empresário o que faz meus proventos serem dependentes dos faturamentos da minha empresa e que são irregulares. Nestes salários e gastos estão inclusos também os valores da minha esposa pois aqui em casa existe um casal e não duas pessoas. Este é um ponto que eu defendo em todo casamento: tudo deve ser comum e compartilhado. Mas nem sempre isto é possível e a separação de recusros financeiros dentro do casamento acaba sendo um motivo de conflito à mais na vida do casal no meio de tantos outros.

Como a maioria dos que me acompanham já sabem, sou um grafista nato e procuro traçar gráficos para tudo que é possível, por exemplo, no momento estou plotando o peso e altura do meu filho recém-nascido para acompanhar o seu crescimento, rs. Costumo dizer que um gráfico vale mais do que mil números planilhados, rs. E no gráfico acima consigo ver claramente como vai a saúde das minhas finanças pessoais: muito bem obrigado! Poderia estar melhor? Com certeza sim, se minha empresa estivesse faturando mais, se eu estivesse gastando menos em farmácias e supermercados, etc.

Mas o que me deixa realmente tranquilo em relação às minhas finanças é a relação Gastos/Salários que hoje gira em torno de 47%, ou seja, aqui em casa gastamos um pouco menos da metade do que recebemos. Aquele famoso escritor já disse uma vez: "guarde pelo menos 10% do que você recebe". Mas se puder guardar mais o porquinho não irá reclamar da barriga cheia.

É isto senhores, espero que tenham gostado do post mesmo sabendo que para a maioria dos leitores do blog o que foi dito é chover no molhado - inclusive está chovendo hoje por aqui depois de longas semanas sem cair água - na segunda as ações da CEMIG vão disparar, rs.

Bom fim de semana a todos!

38 comentários:

  1. uorrem muito bom, mas estou esperando o passo-a-passo da declaração do lucro na venda de um FII, please uorrem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anom, não sei quem é vc, não sei seu nome, não sei o que faz da vida, mas o próximo post será para vc, rs. Quem espera sempre alcança!

      Excluir
  2. Ah, que belo texto!
    Fossem todos os blogueiros assim, seria ótimo!
    Olhe Uó, seus posts estão fazendo história.
    Nada absorva daqueles que aqui apenas vêm para trollagem.
    Se um dia você se abater por algum comentário maldoso, releve.
    Indico seu blog para parentes e amigos.
    Não fico um fim de semana sem ler suas observações.
    Hoje mesmo li mais cedo o post do Troféu Graham.
    O matuto era prova do quão querido você é.
    Basta ver quantas visitas diárias seu blog recebe.
    A galera pode até desdenhar, mas suas operações de compra são vistas
    Bastou você publicar sobre XPOM e o preço no dia seguinte subiu
    Agora só nessa brincadeira da CEMIG é capaz de alavancar o preço
    Camarada você conquistou cadeira cativa entre os grandes.
    Abraços de um seguidor assíduo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa Anom, ontem e hoje eu estava muito triste pelo ocorrido com o Matuto, ainda estou, nem queria fazer mais posts nestes dias, mas hoje pela tarde estava aqui mexendo nos meus gráficos, fazendo alguns planos, algumas contas, e sempre que noto que algo pode ser últil para outras pessoas eu transcrevo aqui. E receber um comentário como este seu me faz ver que o trabalho realmente vale à pena. Muito obrigado, e pode deixar que os trolls não me incomodam, pelo contrário, eles são um mal necessário por mais antagônico que isto possa parecer, é como eu sempre digo, não falando mal da minhã mãe podem falar o que quiserem, sempre terão uma resposta minha, rs.
      Abração!

      Excluir
  3. Olá Uó, eu tenho interesse na planilha sim! Quem sabe dessa forma vendo de forma concreta paro de fazer tantas besteiras na vida, fazer as contas mentalmente estraga qualquer orçamento.
    Obrigado

    ResponderExcluir
  4. Bela introdução, Uó!

    Acho louvável quem tem o costume de controlar detalhadamente todos os seus gastos, até porque eu mesmo não faça mais isso há mais de 5 anos.

    Não é que eu não tenha um orçamento, apenas não detalho o valor de cada compra.

    Como as receitas e despesas fatalmente desaguam na minha conta bancária, preferi centrar o controle do meu orçamento no seu saldo, abrindo mão de saber o que eu faço com o dinheiro que já não esteja mais lá.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LdL, se sente confortável com esta estratégia e se a mesma é eficaz então tudo bem, mas a grande maioria das pessoas não irá conseguir ver onde estão seus buracos orçamentários se não planilharem tudo, assim eu penso. Tudo na vida é questão de hábito, você não acha divertido chegar no fim do mês e fazer seu balanço para postar no seu blog? Te garanto que anotar cada centavo que gasta é tão instigante quanto, olha que gráfico lindo (modéstia parte, rs) mas cada um é cada um, rs.
      Abraço!

      Excluir
    2. Verdade, Uó!

      De fato, meus gastos já são bastante controlados (perto de 30% dos ganhos). Sou a exceção da exceção rs.

      Abraço!

      Excluir
  5. UB,
    Muito bacana. Eu comecei a tabelar meus gastos muito recentemente, eu tinha apenas uma ideia (e não estava tão errada), mas é muito melhor saber exatamente onde estão os gastos, pois você pode ter maior controle sobre eles.
    A primeira foto é clássica hein:)
    Sobre o investidor matuto, eu entrei no facebook dele e o da mãe. Eu não tinha ido ao seu blog ainda. Quando você vê uma imagem (e ele era bem jovem), a imagem fica mais vívida. Os neurocientistas dizem que você cria um vínculo. É por isso que não comovemos tanto com uma estatística de violência, mas o nosso cérebro reage imediatamente a uma cena de uma violência injusta.
    Ao ver a foto dele, e as mensagens dele, a esperança que ele tinha de construir uma boa vida para eles, ele falar que adorava a família e a namorada (quantos homens não desprezam ou tratam mal as suas companheiras?), deu cor a um simples nick na blogosfera. Realmente, eu fiquei chateado.

    Faço coro ao anônimo aí de cima. Uma das qualidades, talvez a maior, que mais respeito e admiro é a generosidade de uma pessoa. Eu não me impressiono com alguém que diz ter centenas de milhões, ou se é ministro, ou se é uma sumidade no esporte ou algum assunto técnico, mas eu me impressiono com a generosidade das pessoas. De alguém que se dispõe a ir a um país esquecido e salvar vidas, ou a ajudar um asilo, ou simples atos como ser educado num blog de finanças.
    Parabéns meu amigo. Eu sinto que evolui alguma coisa como ser humano desde a minha adolescência, mas ao conhecer pessoas como você, eu vejo que ainda há tantas coisas que eu posso melhorar.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ô Sô! Obrigado pelas palavras mais uma vez. Acho que estamos criando aqui nesta comunidade de investidores um ambiente bem bacana de troca de idéias e experiências. Vemos de vez em quando alguns desrespeitos mas em geral as relações estão cada vez mais fortes e saudáveis, isto é bom.

      Bom domingo aí!

      Excluir
    2. Soul,

      eu também muito recentemente comecei a fazer isso, e o resultado me surpreendeu da mesma forma.

      Mas é como você disse e o Uó escreveu: só conhecendo para controlar e planejar!

      Excluir
    3. Tem gente que consegue um controle meio por alto, mas a maior parte da população não.

      Excluir
  6. Excelente postagem Uó. Já dizia o sábio:

    "Não se pode controlar aquilo que não é medido."

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Existe um site chamado "archive.org" que grava capturas de tela de sites periodicamente, para fins de consulta posterior.

    Vejam a captura de tela do site "archive.org", referente ao blog do Zé Mobral:

    https://web.archive.org/web/20140517025936/http://zemobral.blogspot.com.br/

    O Guardião do Zé Mobral roubou o endereço do blog!!! Vejam lá!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehe, na verdade o seu guarda é o próprio Zé. teorias da conspiração...

      Excluir
  8. Uó parabens, apesar do triste fato que ocorreu com o matuto, vc se comoveu com toda razao, mas não fez postagens pseudo-singelas em homenagem ao rapaz, verdadeiro campeonato hipócrita, em que se tenta passar que é mais sentimental e bondoso que o outro, quanta falsidade!

    Essa blogosfera é a mais fingida e traiçoeira da internet.

    Marcos Vinícius

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcos,
      sim, como na vida real por aqui também deve ter muitas pessoas que fingem. traiçoeiras não sei, não percebi isto ainda. Mas por outra lado tem muita gente boa por aqui, o saldo é positivo.
      Abraço!

      Excluir
  9. curti curti

    soh algumas dicas (deve ser por escrever rapido sem revisar)

    "À partir" e "Porque é importante este levantamento de campo?"

    flw vlw

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Soni, valeu pelas correções, português realmente não é meu forte mas tenho melhorado muito desde que comecei escrever neste blog.
      Abraço!

      Excluir
  10. Sim, muito importante fazer esse controle de gastos e no final do mês, verificar, onde está gastando mais.

    ResponderExcluir
  11. Olá Uo - realmente é muito importante voce ter controle sobre as receitas e despesas. Como saber se estamos fechando o mes no azul ou no vermelho e quanto temos disponivel para aportar se não controlamos as contas ?

    Voce está certissimo - esse habito de planilhar as informações é muito saudavel !!!

    Também fiquei chateado com o ocorrido com o matuto - o cara está começando a vida e acontece uma tragedia. Infelizmente, a vida é uma coisa muito frágil - o que nos leva a quase obrigação de tentar aproveitar ao maximo os bons momentos que a vida proporciona.

    Um grande abraço,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Triste demais o ocorrido, para a mãe então que perde o filho deve ser dilacerante. Quero acreditar que após a morte vamos para uma dimensão melhor, mas a dor que fica para os amigos e parentes é enorme.
      Abraço

      Excluir
  12. Olá,
    se puder poderia disponibilizar as planilhas para que todos possam usar os gráficos?
    Obrigado.
    Luiz

    ResponderExcluir
  13. Sabe Uó, na minha opinião esse controle ou conhecimento dos gastos é muito mas muito difícil mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guardião,

      É uma das teclas que mais bato no meu blog: se para quem está com o orçamento em dia é difícil, imagine para quem fecha as contas no vermelho?

      Excluir
    2. Difícil é começar, depois fica facinho, rs.

      Excluir
  14. Uó,

    Parece brincadeira, mas escrevi sábado um texto sobre a planilha que uso para planejar meu mês pensando em publicar terça para poder dar uma revisada antes!

    E também estava com planos de uma série parecida, mas focada em controlar as dívidas. Apesar que as bases são as mesmas, só a finalidade que é diferente!

    O melhor é que você seguiu praticamente o mesmo raciocínio que tive ao rascunhar alguns textos, principalmente em referência a importância do controle no planejamento. Afinal, sou Administrador por formação, adoro a área de estratégia e meu trabalho tem um pouco voltado a isto.

    De qualquer forma, ótima iniciativa e ótimo texto como sempre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Casado. Mas não deixe d epublicar sua série sobre controle de dívidas. Será muito lida pois o que mais tem é brasileiro endividado.
      Abraço

      Excluir
  15. Uó,

    Sem querer ser pretensioso, mas acho que no final do texto, onde se lê "0,47%" deveria ser "47%", já que você diz que é pouco menos da metade logo em seguida.

    Quando li que a relação era 0,47% fiquei impressionado com tanta frugalidade! hehehe

    ResponderExcluir
  16. Olá UÓ,

    Continua frio e chovendo por ai? Pois por aqui está bem frio rs.

    Muito bom o início de sua série. Eu realmente tenho certeza que para quem quer alcançar uma independência financeira, mais rápido e independente do valor que ganha, tem que se fazer uma planilha de gastos mensais.

    Para quem não faz nada, mesmo uma simples, apenas com o grosso e sem detalhar nada, a pessoa já tem uma noção. Mas o certo mesmo é uma BEM detalhada, pois ai você realmente vê aonde está indo o dinheiro.

    Eu comecei a detalhar meus gastos somente no fim do ano passado e vou te falar, que arrependimento não ter começado antes, pois descobri coisas absurdas que gastava e nem tinha noção. Já obtive uma redução de 37% dos meus gastos desde que comecei e ainda tem como reduzir mais. Fora que faz alguns meses que não utilizo mais o cartão de crédito, tento pagar à vista para obter mais desconto e assim economizar mais.

    Quando você detalha desde o dinheiro do pão até suas prestações de carro/cartão etc, você tem como ver onde erra e através desse ajuste, sobra mais dinheiro para investir, e como sobra.

    Nada melhor que uma educação(ou reeducação) financeira, para que você possa ver a possibilidade real, mesmo que um pouco distante, da tão sonhada Independência Financeira.

    Mais uma vez parabéns pelo artigo.

    Grande abraço.

    A40

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu A40. Depois faça um post sobre sua experiência de corte de gastos, vou gostar de ler.
      Abraço

      Excluir
    2. Pode deixar UÓ. Vou montar e depois te aviso.
      Abraço.

      Excluir