terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Tags: , ,

Novo Prisma 2017 - Primeiras Impressões

Acesse o novo post: http://abacusliquid.com/consumidor/novo-prisma-2017/


No início deste ano comprei um novo automóvel (relembre aqui) e o modelo escolhido foi o Prisma da Chevrolet. Nestes primeiros meses rodei quase 7.000 km e estou gostando do carro. Não tive nenhum problema até então, a não ser um recall que foi divulgado há alguns dias (veja aqui). O carro é econômico e tem boa potência. Possui um bom espaço interno e um generoso porta-malas.

Agora, a atual geração do Prisma deve receber o seu primeiro facelift com mudanças principalmente na parte frontal e traseira. O estilo visual escolhido será a frente adotada na nova geração do Cruze. Serão modificadas várias partes como grades, para-choque, capô, para-lamas e conjunto de faróis. Particularmente achei esta nova versão dianteira visualmente mais bonita do que a anterior.


Na traseira, o sedan deve ganhar algumas outras pequenas mudanças nas lanternas e para-choque. Abaixo uma projeção de como o conjunto ficará. As lanternas devem seguir a mesma linha do novo Cobalt. Particularmente ainda prefiro o conjunto de lanternas da versão 2016.


No interior são esperadas novidades no painel e na forração interna, além de opção atualizada do sistema de entretenimento MyLink como mostrado na foto abaixo.


A montadora ainda não anunciou oficialmente o lançamento da nova versão. Até o momento apenas o novo Cobalt foi anunciado. Provavelmente este anúncio ficará para o fim de 2017 ou no mais tardar fim de 2018.

Chuva de Granizo

Uma chuva de granizo que atingiu diferentes regiões do Rio Grande do Sul no início de outubro danificou milhares de veículos da General Motors (GM) estacionados no pátio da fábrica, em Gravataí. Com a lataria amassada, os automóveis passaram por reparo antes de serem encaminhados às concessionárias.


Os consertos começaram ainda na segunda quinzena de outubro. Cerca de 4,9 mil carros foram reparados no pátio da fábrica. De acordo com fonte que acompanha o processo, outros 5 mil passaram por manutenção no Velopark, em Nova Santa Rita, onde a montadora estocou veículos em razão da queda nas vendas. A GM confirmou o procedimento mas preferiu não falar em números.

Mesmo que o conserto tenha sido realizado antes da saída da fábrica e a lataria esteja aparentemente perfeita, o veículo não pode mais ser considerado "novo" alertam órgãos de defesa do consumidor.

O que é levado em conta nesse caso é o histórico do automóvel, mesmo que do ponto de vista estético esteja tudo perfeito. O consumidor tem direito de saber se quer comprar ou não o produto e cabe tanto à fábrica quanto à concessionária o dever de informar o ocorrido por escrito – explica Cauê Vieira, diretor-executivo do Procon da Capital.

Fonte 1
Fonte 2
Fonte 3

19 comentários:

  1. Não sei como está a versão 2017, mas a versão atual tem um péssimo custo-benefício. Carro de quase 60k sem direção elétrica e com motor jurássico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qual o problema do motor?
      Os 44.500 que paguei para mim se mostraram uma boa relação custo/benefício.

      Excluir
    2. motor antigo, no Brasil, é até vantagem, por ser mais barato manter. A ford por exemplo vem refinando "os motores 2.0 antigos" dela, a cada lançamento de um novo focus, invés de lançar com seus motores modernos ecoboost

      Excluir
  2. Vixi .. .será que vão avisar mesmo que o carro levou uma chuva de granizo? Sei nao hein ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu duvido que avisem na hora de vender que o carro foi reparado, ou que diminuam o preço por causa disso sem que a pessoa descubra que o carro já foi amassado antes de chegar na venda. Se acontecesse, não seria Brasil.

      Excluir
    2. O que os olhos não vêm o coração não sente, rs.

      Excluir
  3. O Prisma é baseado no Ônix, que é um carro peladíssimo e superfaturado, culpa dos chimpas idiotas que idolatram "carro altinho" e "com tuxiscrin" (aquele maldito my-link que 99% dos compradores de Ônix só compram o carro pra pôr o dedo na telinha)

    A versão anterior do Prisma era baseada no Celta bateu-morreu, com problema CRÔNICO de volante torto pra esquerda que veio do seu pai Corsa Wind 1994, ou seja...

    Prisma = Banheira overrated


    Profeta da GM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Prisma não é 'baseado' no Ônix, é o Ônix com porta-malas maior.
      Eu montei meu próprio 'tuxiscrin', baratinho e eficiente...
      http://blogdouo.blogspot.com.br/2015/09/como-montar-um-som-automotivo-portatil.html

      Excluir
    2. odeio essas tropicalizações, pra deixar os carros tupiniquins mais altos para encarar as buraqueiras, porém os deixando menos estáveis e seguros para estrada.
      Gosto do acerto de suspensão dos carros da ford, sem aparentar espaço vazio, um arco, entre as rodas e a lataria.

      Excluir
    3. Todo carro da Ford é uma escola de samba ambulante. E isso vem láááá da década de 90 e atinge até hoje bons carros da marca, como Fiesta e Focus, por exemplo. O interior é muito mal-montado, peças desencaixadas que fazem um barulho insuportável até em estradas "tapete", que dirá em buraqueira.

      Excluir
  4. Tenho a dois anos, 11000 km rodados o cambio automático é uma merda e a suspensão outra porcaria barulhenta, as peças são chinesas, outra merda...

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  7. Peguei um Prisma LTZ 0km em 2014. Ano passado vendi essa porcaria e peguei um Focus 2.0 automático. Que diferença, meu Deus. GM, tirando o Cruze, só prestou os eternos, Kadetts, Vectras, Astras, Ômegas...

    ResponderExcluir
  8. Acho engraçado, ninguém compra carro obrigado, todos sabem que nossos carros são Pré-Históricos, que os preços são irreais, mas é o que temos. Quanto ao Prisma tanto o antigo como o novo são honestos e refletem o nosso mercado.Andei no HB 20S e no Voyage, não são tão melhores ou piores, são de concepção diferente da do Prisma. O HB 20S é pequeno por dentro, barulhento e com acabamaneto tão pobre quanto o Prisma. Agora não dá para comparar com carros de faixa superior, seria covardia no Brasil.

    ResponderExcluir
  9. Comprem um gol g5, entrei nessa fria.

    ResponderExcluir