sexta-feira, 8 de abril de 2016

Tags: , , , , , ,

CIEL3 - Cielo: Precificação


Observação: este post foi atualizado, veja o novo post aqui.

Pessoal,

Este é o terceiro e último post desta Semana Fundamental onde discutimos sobre a Cielo. Deixei para hoje o tema mais polêmico que é a precificação do ativo. Não é objetivo deste post determinar se a ação está cara ou barata, sobre-comprada ou sobre-vendida, mas sim visualizar graficamente a evolução do preço e do lucro bem como dos múltiplos Lucro por Ação (LpA) e Preço sobre Lucro (P/L).

Tive dificuldades para obter os dados históricos, principalmente os dados de LpA e P/L. Neste ponto gostaria da contribuição dos colegas no sentido de validar as informações.

As cotações eu obtive do Yahoo Finance. Porém achei estranho o preço ajustado que eles fornecem. Vejam abaixo que para o dia de ontem a cotação de fechamento foi de 36.3 e o ajustado é 30.15. Qual a razão? Como se calcula este preço ajustado?


Para o cálculo do LpA em 12 meses eu coletei o LpA trimestral nos demonstrativos direto no site do R.I. Para o cálculo do P/L eu realizei a divisão da cotação não ajustada pelo LpA em 12 meses. O que acham desta metodologia? Está correta?

Seguem os gráficos...




10 comentários:

  1. Título clickbait. Não tem precificação no post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rs. aceito sugestões para o próximo post.

      Excluir
    2. Uó, realmente está meio exagerado este apelo nos títulos "clickbait" ...

      Mas voltando ao tema, muito estranho este preço ajustado. Será que já reflete a proposta de bonificação de 20% proposta. Pode ser isso. Vale a pena verificar, após a efetivação da bonificação, se será ajustado novamente ou não.

      Sobre o LPA, dá a impressão que está caindo, mas não é verdade, pois eu acredito que seus dados não estejam refletindo as mudanças nas quantidades de ações devido às bonificações anuais que tem sido feitas na Cielo, pelo menos nos últimos 3 anos.

      Apenas a título de curiosidade, eu hoje fui a assembleia de acionistas da Cielo. Foi uma casualidade pois eu tinha uma reunião no próprio prédio da Cielo, com uma das empresas do grupo e que foi cancelada, então como estava lá, acabei me inscrevendo para assistir a assembleia. É uma mera formalidade onde se lê cada item da pauta e se coloca em votação. Durou cerca de 1h.

      Achei interessante a oportunidade de conhecer pessoalmente o CEO, que fez questão de cumprimentar individualmente cada um dos presentes tanto na chegada como na saída. Tinha cerca de uns 100 presentes.

      Abraços

      Excluir
    3. Que tipo de coisa é votada?

      Excluir
    4. EI,

      Achei muito interessante o seu comentário e acredito que vale, até mesmo, um post sobre isso, contando como é participar da assembleia de uma empresa que você é sócio...

      Qual foi a sua impressão sobre o Rômulo?

      Abraços!

      Excluir
    5. Anon, são votados os itens que estavam na pauta da AGO/AGE, como proposta de aumento de capital, proposta de remuneração dos administradores, eleição dos membros do conselho de administração e fiscal, etc ... documentação aqui http://cielo.riweb.com.br/listgroup.aspx?idCanal=2Ae4QrQIAlCTbYm5DJb2BQ==

      IL,
      Vou ver faço um relato em post, se conseguir tempo. tenho tantas pautas pendentes que tá difícil ... a impressão sobre o Rômulo foi muito boa, mas é muito superficial o contato. Ele chegou a falar uns 10 minutos sobre os resultados e desafios, etc. Foi muito consistente na fala. Estava bem a vontade e fez até algumas brincadeiras para quebrar a formalidade.

      Abraços

      Excluir
    6. E.I. O Lucro por Ação eu tirei de cada relatório trimestral. Não achei outra forma de coletar esta informação. O que você sugere?

      Sobre as assembleias, nunca participei de nenhuma, a maioria é em São Paulo, rs. Senão todas.

      Excluir
    7. Uó, pode ir na assembléia da CEMIG ... Não me lembro de mais nenhuma empresa de capital aberto em BH.

      Sobre o LPA, eu entendi que você fez isso, mas o para efeito de comparação, o LPA tem que ser ajustado para cada bonificação, split, agrupamento, etc.

      Exemplo

      Em 2014 a empresa tinha 10 ações e teve lucro total de R$ 10,00, portanto LPA de R$ 1,00

      Em 2015 houve bonificação de 100%, portanto passou a ter 20 ações, o lucro total foi de R$ 12,00 e LPA de R$ 0,60

      Da forma que você fez, a comparação fica a seguinte:
      2014 LPA R$ 1,00
      2015 LPA R$ 0,60

      Mas não é verdade, o LPA não caiu de fato, portanto, para efeito de comparação, o LPA de 2014 deve ser ajustado, neste caso para R$ 0,50

      Abraços

      Excluir
    8. Uo, sugiro algo simples que facilita os cálculos e evita estes ajustes de bonificações.
      Simplesmente calcule o LPA utilizando, para todo o histórico, a quantidade de ações atual.
      Abraços

      Excluir
    9. Entretanto, quando realizo postagens com P/L histórico, eu não utilizo o LPA. Calculo o valor de mercado de cada período e divido pelo lucro líquido do período. Mas para isso é necessário a cotação de época.

      Excluir