segunda-feira, 29 de julho de 2019

B3, Ambev, Weg, Renner e Rumo para o Longuíssimo Prazo...

Sempre bom ouvir o Florian... disse que tem planos para vir para o Twitter mas não o fez por falta de tempo para fazer bem feito. Disse que gosta da B3, Ambev, Weg, Renner e Rumo para o longuíssimo prazo. Ficaria fora de meios de pagamento (Cielo). Confira a entrevista do gestor.

quinta-feira, 27 de junho de 2019

Para Aonde Vai o Bitcoin?

Este post é do ano passado. O primeiro objetivo foi atingido. Na próxima vez vou acreditar mais na minha própria análise (vendi tudo em 6 mil dólares e deixei de ganhar mais 6 mil dólares de alta). Estou fora do mercado de criptos, provavelmente não voltarei mais, foi bom enquanto durou.

Posso estar errado - e geralmente estou mesmo - mas o mercado de criptos está se preparando para mais um ciclo de alta. Daqueles violentos, virulentos e borbulhentos (efeito bolha) que vimos ano passado. Desde fevereiro deste ano, estou transferindo todos os dólares que recebo do Google para Bitcoins e Litecoins. Já foram 6 aportes no total. Como é um dinheiro proveniente de renda extra então nem me preocupo em colocar em algo tão arriscado e incerto. O plano é vender 1/3 da posição por volta de 12 mil dólares e vender mais 1/3 em torno de 19 mil dólares. O restante vender quando chegar em 90 mil dólares, kkk.


Gráfico do Bitcoin: Cada Vez Mais Bonito!

domingo, 26 de maio de 2019

Dinheiro Preso na Negocie Coins: Golpe ou Bug?!

Estava tudo indo bem. A estratégia funcionou conforme planejado. Foi feito um aporte de 6 mil reais em uma exchange para a compra de uma criptomoeda. O objetivo era surfar uma onda de alta de uns 200% no mínimo. Foram realizados então 3 compras de 2 mil reais. Bastaria aguardar o próximo pump no mercado de criptos, que de fato ocorreu neste mês de maio. Operação encerrada na última segunda feira. Bastava então solicitar o resgate (em reais) para a conta bancária e embarcar para uma viagem de férias no nordeste e torrar o lucro da operação. #SQN...

https://www.infomoney.com.br/mercados/bitcoin/noticia/8344488/bitcoin-banco-denuncia-golpe-de-r-50-mi-em-exchanges

Agora estou com 20 mil reais presos nesta exchange. Pediram um prazo de 48 horas que não foi respeitado. Mas o discurso mudou, falam agora de um prazo até o final do mês. A exchange tinha a melhor reputação dentre todas no site ReclameAqui, e este foi um dos motivos pelo qual escolhi para fazer esta operação.


Contudo as reclamações explodiram nos últimos dias. A maioria relativa a saque não realizado...


A empresa alega que sofreu um golpe de retirada em duplicidade, no qual teve um prejuízo de 50 milhões de reais. De fato foi constatada uma falha na plataforma (link aqui). Um bug primário do sistema permitia o saque simultâneo quando usados dois computadores diferentes. Como é mostrado no vídeo do link, bastava você logar na conta em dois computadores e solicitar o saque simultaneamente. É um erro de software grotesco para não dizer infantil. O fato é que pessoas inescrupulosas descobriram esta vulnerabilidade no sistema e aproveitaram para realizar diversos saques em duplicidade. Pelo menos é o que está sendo ventilado nas redes sociais até o momento. Segue nota do Portal Bitcoin...

Segundo o comunicado do Bitcoin Banco, o crime foi cometido por pelo menos 30 pessoas foi denunciado à delegacia de Estelionato de Curitiba. O caso ficará a cargo do delegado Emanoel David, que deve abrir um inquérito.

A investigação interna do grupo de Curitiba vem sendo feita desde a semana passada, quando surgiram as primeiras suspeitas sobre o golpe. Os técnicos da área de TI identificaram súbito aumento de patrimônio de alguns clientes, decorrente de operações suspeitas de trade (compra e venda de criptomoeda).

De acordo com a nota, para evitar mais prejuízos com saques fraudulentos, o Bitcoin Banco adotou a operação manual dos pagamentos solicitados, o que gerou lentidão no atendimento aos clientes desde 16/5.

Ainda conforme o comunicado, a empresa conseguiu monitorar cada pedido feito e começar a identificar os fraudadores. O ritmo mais lento, por sua vez, acabou provocando um acúmulo atípico de solicitações de saques e até mesmo o cancelamento de algumas ordens de venda. Operações que levavam até 24 horas passaram a demorar, em alguns casos, até 96 horas, situação agravada nesta semana com o encerramento da conta das corretoras pelo banco Brasil Plural.

A empresa afirmou que não haverá qualquer prejuízo para os clientes. As operações de trade e transferências interexchanges serão mantidas.


O Grupo Bitcoin Banco


O Grupo Bitcoin Banco pode ser considerado uma holding com diversos negócios dentre eles a exchange Negocie Coins. Começou fazer barulho no mercado poucos meses atrás com os altíssimos volumes de negociação na exchange. Em evento realizado recentemente com a presença de famosos e celebridades, Claudio Oliveira, presidente do grupo, reuniu 100 convidados, entre investidores, fornecedores e amigos, para fazer anúncios importantes do grupo. "Estamos passando por uma fase bem arrojada na empresa, onde daremos um passo fora do Brasil para mostrar que temos um sistema de criptomoedas descentralizado e organizado", afirmou o empresário.


Claudio Oliveira recebe convidados famosos em noite de gala. Fonte

Sediado em Curitiba, o Grupo Bitcoin Banco afirma ser líder nacional em movimentação de bitcoins e uma das vinte maiores do segmento no mundo. "Vamos transformar a criptomoeda e deixá-la disponível para todos, não só para os apaixonados", disse ele para uma plateia de fãs do assunto e por interessados em investir na moeda. Um deles é o apresentador Ratinho, convidado da noite, ao lado do também apresentador Amaury Jr. "Tenho um filho, o Gabriel, que já investe em bitcoin e sempre tive interesse de saber mais", disse o apresentador do SBT.

Quem é Cláudio Oliveira?


O empresário Claudio Oliveira está à frente da Financeira CLO, que é proprietária do Grupo Bitcoin Banco. Hoje mora me Curitiba onde fica a sede da empresa que comanda mas aos 17 anos foi para a Suíça estudar e lá ficou anos morando. Formou-se em engenharia financeira e sempre atuou no mercado financeiro. Fez fortuna no mercado financeiro tradicional e hoje concentra todo foco no mercado de criptomoedas.


Claudio Oliveira e sua cachorrinha em uma das sua viagens no seu jato particular - Fonte

sexta-feira, 3 de maio de 2019

Apê de Homem Solteiro

Fala pessoal!

Ando meio sumido aqui do blog, mas ainda estou vivo. Estou mais presente lá no Twitter, apareçam por lá e me dêm um toque que adiciono ao grupo da finansfera. Passando aqui hoje para divulgar três blogs novos que acabei de adicionar ao feed e também para divulgar um canal de arquitetura bem bacana. Ele é de uma arquiteta aqui de BH que conheci dias destes ao pesquisar sobre reformas de ambientes. Não é propaganda, nem a conheço, é só uma forma de retribuir as ideias legais que peguei lá.

https://garotadeinvestimento.blogspot.com/
https://www.dozeroaomilhão.com/
https://lucrandonabolsa.com.br/