quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Tags: , ,

Itaú Unibanco - Composição Acionária


Bom dia pessoal!

Dando prosseguimento à série Composição Acionária, a empresa a ser analisada hoje será o colossal Itaú Unibanco. Este que é maior banco privado da América Latina (segundo maior banco no geral, atrás apenas do Banco do Brasil) e o 39o. maior do mundo segundo ranking da revista "The Banker".

O Itaú Unibanco é um banco brasileiro fundado em 4 de Novembro de 2008 mediante a fusão do Banco Itaú Holding Financeira e o Unibanco. Em agosto de 2010 a fusão foi aprovada pelo órgão regulador brasileiro sem nenhuma restrição.

A união entre os dois se acelerou devido à crise mundial no sistema financeiro em 2009. A medida foi bem vista por Henrique Meireles, presidente do Banco Central do Brasil na ocasião, afirmando que a fusão se tratava de uma iniciativa que contribuía para o fortalecimento do sistema financeiro nacional na conjuntura do mercado financeiro internacional.

Com a fusão, a marca Unibanco foi extinta em todas as agências, passando apenas a usar apenas a marca Itaú, a integração foi concluída em outubro de 2010 e custou mais de mais de 1 bilhão de reais.

Em 24 de agosto de 2009, é anunciada a junção das operações de seguro com a Porto Seguros. A operação consistia na transferência, por parte do Itaú Unibanco da totalidade de ativos e passivos de sua carteira de seguros residenciais e de automóveis para a Itaú Unibanco Seguros de Automóvel e Residência, que por sua vez seria transferida para a Porto Seguros.

Em Maio de 2013 adquiriu a Credicard por 3 bilhões de reais. Em Janeiro de 2014 comprou o banco chileno CorpBanca por 3,7 bilhões de dólares. Em Agosto de 2014 adquiriu 100% da gestora de ativos chilena Munita Cruzat & Claro, o valor da aquisição não foi divulgado pelo Itaú Unibanco.

Para quem se interessar mais sobre a história da fusão dos dois bancos, sugiro a leitura desta interessante reportagem: Executivo que trabalhou 40 anos no Unibanco conta bastidores de fusão com o Itaú.

Vamos então destrinchar a composição acionária do bancão, que diga-se de passagem não é nada simples...


Como pode ser visto na tabela acima, os "grandes donos" do banco são a IUPAR (Itaú Unibanco Participações) e a Itaúsa (Investimentos Itaú). Atualmente, 10,34% das ações ON e 90,71 das ações PN estão circulando no mercado (free float). Em tesouraria tem-se 2,3% das ações PN e a BlackRock Inc. possui 6,98% das ações PN (veja aqui a reportagem sobre a compra de ações do Itaú pela BlackRock).

Abaixo temos a composição da IUPAR. É formada pela Companhia E. Johnston de Participações (50% das ações ON) e pela Itaúsa (50% das ações ON e 100% das ações PN).


Abaixo temos a composição da Companhia E. Johnston de Participações. É formada pelos quatro filhos de  Walther Moreira Salles que foi o fundador do Unibanco.


Abaixo temos a composição da Itaúsa. É formada basicamente por membros das famílias Villela e Setubal, fundadores do banco Itaú. É uma estrutura tão complexa que preferi não colocar aqui, mas para os interessados, esta reportagem pode ser esclarecedora, além destes links de Wikipedia: link1, link2, link3 e link4. É possível notar na Itaúsa uma participação da PETROS nas ações ON e uma participação da BlackRock nas ações PN.


O organograma a seguir nos fornece uma representação melhor deste emaranhado de participações. Esta imagem é interessante pois apresenta todas as empresas que estão sob a holding Itaú Unibanco, incluindo a maquininha de dinheiro Porto Seguro. Os percentuais podem não corresponder à situação atual visto que a imagem é antiga.


Este outro organograma contempla também as outras partcipações da Itaúsa (Duratex, Itautec e Elekeiroz). Podemos ver que o real dono do banco é a IUPAR já que detém 51% das ações ON. Porém, as ações ON da IUPAR estão divididas igualitariamente entre as famílias Salles e Villela/Setubal, desta forma, o poder das famílias sobre o banco é equilibrado. Este link pode elucidar mais os trâmites dos controles estabelecidos.


E você leitor, já faz parte desta seleta lista de acionistas? Se não já passou da hora hein?! É um ótimo banco para investir na forma de ações e também para se ter contas digitais (acabei de abrir uma para mim), porém não sei se é uma boa empresa para trabalhar, na verdade banco algum deve ser bom para trabalhar, são bons apenas para acionistas penso eu.

28 comentários:

  1. sou socio da itausa. o desconto esta na casa dos 25% sobre as participacoes, é dona do itub como voce bem demonstrou e tem a dtex que é interessante. elekeiroz e itautec é lixo, mas não pesa nada.

    otimo trabalho,

    abraço,
    Victor
    PS vc ta fazendo falta no ranking seu viado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha a língua Rapah!, rs
      Este desconto da Itaúsa é questionável, não vejo muita vantagem. Mas prefiro mesmo ter mesmo a honding do que uma das controladoras.
      Abraço!

      Excluir
    2. http://www.valor.com.br/valor-investe/o-estrategista/2488206/arbitragem-entre-acoes-da-holding-e-de-suas-controladas-o-caso-

      Excluir
    3. Dificilmente este "desconto" será traduzido em ganhos para você.

      Excluir
    4. Verdade seu Uó, esse desconto é ilusório, no mercado não existe desconto real em nada, o "desconto" sempre é uma compensação de algo que não traz benefícios.

      Excluir
    5. Dificilmente a cotação ´da holding irá subir mais do que as demais cotações de forma a alcançar o preço justo e assim o desconto realmente valer. Então para nós sardinhas é ilusório.

      Excluir
    6. Uo, de fato, a cotação não sobe tanto, mas o patrimônio acaba aumentando. todo ano recebo alguma coisa de proventos + bonificação + subscrição.

      Não contei os proventos no PM, mas o meu está em R$ 9,06 (comprei em epoca errada, numa alta, como todo bom sardinha...), mas tenho blocos @ +67%, +74% de valorização. Valorização geral está na casa dos 22% (em 1,5 ano de comprado).

      Sempre que a cotação balança pra baixo eu compro um tanto. Não tenho um "A" pra reclamar da empresa... É das que vou continuar mantendo indefinidamente.

      Mas isso é só meu ponto de vista.

      Grande abraço!

      Excluir
  2. UB,

    Essa empresa aí é só alegria. O Brasil é o paraíso dos banqueiros.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uó,

      Outra coisa interessante da composição acionária é que ela corrobora o que o Bastter, ou "Bostter" para alguns, vive dizendo:

      SÓCIO = ON.

      Enquanto 90% das PNs do Itaú estão com a sardinhada, 90% das ONs estão com os controladores. E depois ainda vemos inocentes achando que ambas são iguais, que o Bastter está exagerando, e por aí vai.

      Abraços!

      Excluir
    2. Justamente I.L, estamos aí entre os 10% das ONs, deixa s PNs para as sardinhadas. Se bem que o BlackRock não tem nada de sardinha e eles compraram as PNs, será porque?
      Abraço!

      Excluir
    3. UB,

      O mais impressionante é que existem pessoas que ainda não enxergam isso. Nos EUA, por exemplo, só existem ações ON! E aqui na Banânia, um dos requisitos para as empresas ingressarem no Novo Mercado, é justamente ter apenas ações ON.

      Enfim, deixa a sardinhada acumular ações PN. Falta de aviso não foi.

      Abraços!

      Excluir
    4. Depois ouça este podcast para entender estas maracutais de PNs, holdings e etc lá pelas bandas da Itaúsa...
      https://soundcloud.com/riobravoinvestimentos/israel-vainboim

      Excluir
  3. Grandes fusões, grandes investidores.
    Estou lendo A Jogada do Século (The Big Short - Michael Lewis) recomendo caso não tenha lido.
    Grandes Bancos, grandes fundos de investimento. É incrível como se faz um montante razoavelmente pequeno em ações se transformarem na casa de trilhões em investimento que pode ditar a vida de muitos.
    Acredito que cada vez mais se tenha fusões extremamente grandes ao longo do tempo em diversos segmentos.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A questão do sucesso de um banco é uma só: escala. O banco tem que ter pelo menos uma agência em cada cidade do país, não estou falando dos grandes centros, e sim das cidades pequenas. Porque senão ele morre. As grandes fusões e grandes compras foram necessárias para os grandes bancos se espalharem pelo país, mas só foram boas para os acionistas. No podcast abaixo um dos caras por trás do Unibanco cita um exemplo clássico: diminuição de custos. Em certo momento foi necessário a diminuição dis custos de um banco adquirido. Não poderiam mandar emborar para contratar novos funcionários com baixos salários. O que fizeram? Congelaram os salários por meses, e a inflação se encarregou do resto. Ótimo para os acionistas, péssimo para os empregados. Enfim, é a lei do mercado.
      https://soundcloud.com/riobravoinvestimentos/israel-vainboim
      Não conheço este livro, vou pesquisar.
      Abraço

      Excluir
  4. Ouvi ontem esta entrevista e muito boa por sinal. Uó, você que é das bandas de Minas Gerais e eu conheço algumas bandas por aí, o que houve com o banco BMG? Lembro-me que estampava quase todos os clubes de futebol Brasileiro. Dava uma ideia de um grande banco e de repente desapareceu. Pelo menos aqui em Sampa não tenho notícias deles. Não sei se você conhece Ubá, algumas línguas dizem que uns dos sócios é por estas bandas.

    abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fox,
      O Banco continua patrocinando os grandes clubes de minas, e não vai deixar de patrocinar tão cedo pois estão em evidência no futebol nacional, rs. Fiquei sabendo que o banco ia diminuir os patrocinios, no passado já teve até 30 times sendo patrocinados, não sei como está hoje. Aqui uma entevista legal...
      http://epocanegocios.globo.com/Revista/Common/0,,ERT277749-16380,00.html

      Excluir
  5. Uma estratégia ousada, pena que o futebol brasileiro está falido, na minha opinião.
    Ire ler a matéria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem muita gente ganhando, e não são os torcedores, rs

      Excluir
  6. Uo voce posssui também itausa? ON ou PN?

    ResponderExcluir
  7. Decidi vender o banco Pine e trocar pelo Itau. Só que faz tempo que estou tentando decidir entre ITUB3 e ITSA3. Acho que vc ajudou a decidir

    ResponderExcluir
  8. Muito bom o post. Acho que poderia ter também um post sobre os prós e contras de possuir ITSA3 versus ITUB3 nos cenários de novas fusões/aquisições ou entrada e saída de controladores, tentando identificar em quais casos o valor seria gerado em ITSA3 ou ITUB3. Me parece que o acordo de acionistas da IUPar vai até novembro de 2018 depois disso fica liberado negociar participações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anom, muito obrigado.
      Sobre esta comparação, só o fato da holding controlar a Duratex já me desanima, prefiro nem olhar os números.

      Excluir
  9. 7 PERGUNTAS QUE OS ACIONISTAS DO ITAÚ DEVERIAM RESPONDER

    Prezados,

    Sou correntista do itau desde 06/2006, sempre tive um ótimo relacionamento com o banco, já utilizei varias linhas de crédito e as paguei e em dia financiamento de carro, seguros, cartões, consignado, sempre em dia. Quando eu e a minha esposa ficamos de desempregados no ano passado tive que utilizar o meu cheque especial, e desde então meu salário cai na e minimiza o débito do cheque especial, agora em março minha esposa conseguiu um emprego e seu primeiro salário foi todo para minha conta para diminuir o valor do débito do cheque especial. No dia 04/04 fui até a agencia negociar meu cheque especial e descobri que meu limite especial fora BLOQUEADO juntamente com contas as linhas de crédito antes disponíveis, financiamento de veículos, consignado, cartões. Fui informado pela minha gerente que isso aconteceu devido a pendência na RECEITA FEDERAL e após 15 dias úteis os serviços seriam normalizados ai então eu poderia negociar meu cheque especial. Como a minha esposa colocou todo o dinheiro na conta e o meu salario também foi para essa conta ficamos sem UM REAL no bolso. Ficamos sem pagar as contas, todas estão atrasadas. Mas como a minha gerente disse que após eu regularizar as pendências junto a RECEITA FEDERAL, eu me tranquilizei, bom infelizmente vou ter que pagar as contas atrasadas, pagar juros, mas é só um mês...
    Hoje 28/04 fui a minha agência e fui atendida por outra funcionária que me informou que MEUS LIMITES DE CRÉDITOS FORAM CANCELADOS. Independente da regularização que fiz com a RECEITA FEDERAL, meu cheque especial, limites de créditos, financiamentos e demais linhas de crédito não irão voltar tão cedo.

    1- Eu pergunto.... no momento que mais preciso do banco ITAU, eles me cortaram todo o crédito eu eu possuía ??????????

    2- ISSO É FAZER RELACIONAMENTO COM O CLIENTE ?

    3- QUEM VAI PAGAR AS MINHAS CONTAS ATRASADAS?

    4- MEU SALÁRIO VAI FICAR PRESO NO BANCO ?

    Gerar relacionamento com clientes é estar presente quando eles precisam, é entender a necessidade e ajudar quando preciso.

    5 - SABEM QUANTOS CLIENTES VOCÊS VÃO PERDER COM ESSE TIPO DE ATITUDE???

    6 - OS SEUS ACIONISTAS GOSTARIA DE RECEBER UMA INFORMAÇÃO DESSAS????

    7 - QUERIA TROCAR DE CARRO ESSE ANO, SERÁ QUE VOU FINANCIAR NO ITAÚ?

    Estar com um acionista do lado e conversar com ele sobre o futuro do seu dinheiro em tempos de crise é algo complexo para quem não está preparado para buscar alternativas criativas nesse período que o BRASIL enfrentará um crise longa.

    Sempre fui muito tranquilo por ser cliente de um banco que poderia me ajudar a qualquer momento, mas agora vejo que essa tranquilidade está sendo quebrada, a confiança, algo tão importante num relacionamento, se perde e com isso a concorrência ganha espaço.

    Fico no aguardo de um retorno positivo referente ao meu caso.

    ResponderExcluir