quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Tags: , , , , , ,

Juros Futuros, Dólar e Tesouro Direto


As taxas de juros futuros operam com forte alta nesta quinta-feira, enquanto o dólar (gráfico abaixo) avança e já atinge uma alta de quase 20% desde o último fundo formado em abril deste ano.


A alta dos juros ocorre após a divulgação da ata da última reunião do COPOM. O Comitê afirmou que os avanços no combate à inflação mostram que estratégia de política monetária está na direção correta e que a convergência da inflação à meta em 2016 tem se fortalecido. Porém, mesmo com o tom positivo da ata, o mercado não reagiu bem, sinal de descrédito.

As taxas dos contratos futuros de juros (gráfico abaixo) avançam reagindo à alta do dólar e ao aumento da tensão no cenário político local. O risco de rebaixamento do ‘rating’ pela Moody’s também continua permeando o cenário adverso.


O aumento do risco político tem provocado a alta dos prêmios de risco na curva de juros. O avanço das investigações da operação Lava-Jato também podem piorar a governabilidade da presidente Dilma.

Com o avanço do dólar parte do mercado começa a ver a possibilidade do Banco Central ser obrigado a retomar o ciclo de aperto monetário, apesar de ele ter sinalizado o fim do ciclo de alta de juros no comunicado da última reunião.

Ontem o vice-presidente da Presidência da República, Michel Temer, afirmou que a situação é grave, que há uma crise política e uma crise econômica que precisam ser ajustadas, e se disse preocupado com a repercussão no exterior.

Como foi explicado no post anterior, a alta dos juros causada pelo aumento do Risco-Brasil tem influência direta nas taxas praticadas pelo Tesouro Nacional no títulos públicos. No gráfico das taxas da NTN-B Principal para 2035 já vemos um rompimento dos últimos topos formados.


Em fevereiro último já tinha feito um post mostrando um possível rompimento destes topos no decorrer do ano. Na ocasião usei uma técnica de análise gráfica que mostrava uma elevação em direção ao topo formado do início de 2014, quando a taxa superou os 7%. Na minha opinião atingiremos este valor em breve, quem esperou um ano e meio (como eu) já pode ir tirando o escorpião do bolso porque estamos quase lá.

4 comentários:

  1. Tirar o escorpião do bolso para investir no que, Uo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. NTNB 35 né? Se o Tesouro Direto deixar....mercado vive suspenso por causa dessa loucura dos juros futuros!

      Excluir